segunda-feira, 17 de outubro de 2011

(i)Real

Weheartit.com



Sabe, tem aquele dos sonhos. O loiro alto de olhos azuis  (ou moreno baixo de olhos cor de mel, tanto faz, o sonho é seu) que ouve as mesmas músicas que você, que adora um café sem açúcar e que manda mensagens durante o dia, só pra dizer que sente sua falta. Ele não é desligado, se veste tão bem, e é sempre tão cheiroso! Nada de futebol e cervejinha no fim de semana: te leva ao teatro e para jantar num restaurante que serve o melhor vinho do mundo. Ele lê livros, os mesmos autores que você! Ele toca violão, canta no teu ouvido e serve café na cama e te deixa comer um pote inteirinho de nutella quando está na TPM.  

Ele é dos sonhos. Você nunca está satisfeita com os outros, porque persegue sempre esse dos sonhos. Aquele do trabalho é até bonitinho, mas baixo demais. Aquele da sua aula? Muito bobo parece, sem falar que já ouviu ele cantarolar um sertanejo, sem condições! Logo você tão culta e intelectual, que gosta de Almodóvar e Nietzshe. Você é a mulher dos sonhos, e quer o homem dos sonhos.

Então acorda! Sonhar é bom, muito bom, mas esse príncipe encantado existe mesmo? E se existir, vai te fazer feliz? Não! Porque o bom não é ter aquele dos sonhos, mas aquele que é real. Um restaurante chique de vez em quando, coisa maravilhosa, mas como é bom comer um cachorro quente ali na esquina e dar boas risadas. Futebol é chato, mas em uma boa companhia, porque não? Ele nem sempre está com a melhor roupa, mas como fica lindo de bermudas e chinelos. E pode não ser o mais alto e forte do mundo, mas não existe coisa que te deixa mais segura – e boba- do que aquele sorriso.

Ele tem milhares de defeitos que te chateiam e que enchem o saco, é bem verdade. Mas e daí? Você também tem. E você sabe que por trás dessa aparência de intelectual e Almodóvar existe alguém que usa camisetas velhas para ficar em casa e assiste comédias clichês comendo brigadeiro direto da panela. E são essas coisas que talvez te façam a mulher dos sonhos reais de alguém, porque o que é verdadeiro é bem mais bonito.

Que tal olhar para o lado hoje e perceber que  viver o imperfeito ás vezes é muito melhor? Os sapos muitas vezes são mais interessantes e divertidos que os príncipes.



(obs. eu amo meu sapo)

7 comentários:

Luna Sanchez disse...

Adorei o texto!

O cara de quem mais gostei até hoje é sim cheio de qualidades (é elegante, culto, inteligente, lindo, cheiroso, gostoso, divertido...) mas nossa aproximação se deu por conta dos "defeitos" dele (pretensioso, chato, arrogante, debochado...rs) : me ganhou às avessas.

Beijos.

Daiana M.Fernandes disse...

Estou sem palavras...

bjs

Camila Sanches e Amanda Sanches disse...

não existe um homem perfeito, todos, eu digo TODOS sem exeção tem seus defeitos, não dá pra ter tudo ao mesmo tempo, o cara mais lindo, romântico, fiel em uma só pessoa não existe!

http://oamorhadevencer.blogspot.com/

Ryoko disse...

Bem, mas e se for um príncipe com qualidades mais reais e defeitos específicos?
Tipo alto, magro,que goste de cultura asiática e de livros. Que tenha personalidade forte, irônico, que só venha quando quer e ao invés de flores dê algo que lhe faça rir, como um buque de couve-flor.
Este é tão irreal quanto os perfeitinhos...

Carolda disse...

Pois e nunca curti príncipes. São todos muito chatos.

um beijo

Evelyn Dias disse...

Adorei o texto! Pra falar verdade, eu bem que prefiro andar de bicicleta do que à cavalo.. rsrs... coisas de "príncipes e princesas" na versão que faz da certo.

Beijo linda!

Danni Coutinho disse...

gente como é lindo esse texto mexeu realmente comigo quase chorei serio amei.....eu sempre sonhava com esse principe sabe perfeito mais pq nao arriscar em algo real ne.....bjss linda amei seu blog