quarta-feira, 14 de abril de 2010

(In) Certo


Imagem: http://weheartit.com


E tinha os passeios de mãos dadas nos domingos e tudo mais. Nunca tivera beijos apaixonados na chuva, mas uma vez – se não se engana- rolaram na grama. Ou teriam corrido na beira do mar?
Mas tinha, e como tinha, os frios na barriga quando se beijavam. E quando se despediam – não importa por quanto tempo, um dia, semanas - tinha aquela sensação horrível da dor que é saudade. Da dor que é a incerteza, mesmo quando tudo se parece tão e tão certo. Estaria ele sentindo a mesma coisa? Teria ele a esquecido com o tempo? Quantas semanas afastados seria suficientes para que ela fosse apenas uma lembrança muda, como os banhos de chuva que nunca tiveram?
Hm, quem se importa afinal? O mundo não parava para responder suas incertezas mesquinhas.
Vai, vai vivendo, vai vendo, vai sonhando, mesmo quando não tem mais sonho, invente um. Sonhe com ele, comigo, com os três que somos: eu, tu e a solidão.
Hoje já é domingo e não tem passeio de mãos dadas. Mas tem café e risadas ao telefone? Saudades e agonia?
Um beijo imaginado, isso tem.
Um arrepio real.
E a felicidade da certeza de que tudo é incerto: Vamos vivendo a nossa história página por página. Nem era uma vez nem ponto final, virgulas e reticências e pontos de interrogação, exclamação e o que mais vier, só não paremos de escrever, sentir, imaginar, neste momento. E enquanto pudermos, enquanto fomos. No momento nós somos, ainda que.


"Não importa quanto vai durar - é infinito agora."
- Caio F. Abreu;

8 comentários:

Mah disse...

"saudade é a prova de que um dia estivemos juntos"

Carolinne disse...

Saudade é ver o quanto precisamos daquele alguém para seermos felizes!

Lindo né? O amor, toda essa sensação que sentimos, com o toque, com o sabor...

Lindo texto viu! :**

Lari disse...

APAIXONEI com esse texto! hehe
Mtmt bom mesmo!

Taddeu Vargas disse...

Olá! Ganhasse um leitor!
Abraço forte.

Gabi Petrucci disse...

Que coisa mais linda, Crispi!
Tão expressivo. Realista...
"Um beijo imaginado, isso tem." Mesmo que imaginado, tão bom... *-*

Beijo

ps: adoreeei a tatuagem, sou loouca por uma!

Keel Diniz disse...

Fica só na imaginação o beijo, quem dera fosse real...

:]

:*

Vanessa disse...

Saudade de entrelaçar os dedos, em mãos dadas, porque era ali que eu me sentia tão dele!
Adorei teu texto Cris, me trouxe saudades...

.Txia. disse...

É tão bom sentir essas coisas *-*
Tenho medo de que um dia isso acabe :(