terça-feira, 29 de maio de 2007

Oh, chuva

Chegou a chuva. Junto com ela, aquela vontade de pensar, de dizer, de gritar, de amar. A chuva desperta uma tempestade dentro de mim. Odeio a Chuva. Talvez (mais só talvez) eu a inveje, porque ela cai livremente, na sua melhor forma, a chuva não tem medo de ser livre, de cair, de te molhar, de te deixar com frio ou de te refrescar. A mesma chuva tem o poder de te deixar preso na sua sala, ou de te fazer livre, enquanto ela toca a sua face da forma mais sutil. Essa mesma chuva, pode fazer você odiá-la por cair assim tão de repente, sem avisar, molhando seu melhor sapato, mais também pode fazer você amá-la por ser assim, tão imprevísivel, por fazer suas tardes mais românticas, por servir de telespctadora para aquele beijo mais apaixonado.
Talvez (mais só talvez) eu queira ser como a chuva. Desempenhar o meu papel, sem me preocupar se estou sendo odiada ou muito amada. Se estou sendo vista ou ignorada. Se estou sendo aplaudida ou vaiada. Não importa. Estaria ali, amando o que faço, agradecendo simplesmente por ser... Chuva. Saberia que por mais que houvesse críticas, por mais que houvesse rancor, não viveriam sem mim, ninguém. Nem nada.

É, chegou a chuva, e a tempestade que ela desperta é grande. Dentro e fora de mim.

11 comentários:

Bruno disse...

Oi, Cris, olha que coinciência: meu último post é sobre chuva também. Mas não tão lirico quanto seu texto.

Gostei do seu ponto de vista. Você tem olhar de poeta sobre as coisas.

E obrigado pela visita no meu blog, seja sempre bem-vinda por lá!

Alê Namastê disse...

Que texto mais gostoso!
Beijos*

Garota Enxaqueca disse...

Muito boas colocações no seu texto... A chuva não me deixa da mesma forma que me encontrou, sabia? Mas nunca escrevi sobre isso... Talvez me inspire... =)

Ah!
Sobre o Miss Universo... Olha, não defendo aquele tipo de concurso... mas não as vejo tão iguais não (é só ver a anorexa da Miss EUA... rsrs...)

Bjus, bunita...

Thor Croix disse...

Simples, criativo e poético... Muito bom. Eu gosto da chuva, principalmente quando estou dormindo e ela bate na minha janela.

Erika disse...

"a mesma chuva que prende, liberta.!"

Beijos

Ethan disse...

vc diz que odeia a chuva mas parece amá-la e odiá-la ao mesmo tempo
:P

Jeniffer Santos disse...

adorei o txt!
e amO a xuva d+!
beijos!

Tuka disse...

Puts, eu não ando nada romântica pq só o que eu consigo pensar quando chove é algo como: "que meeerda! agora vou ficar parada no trânsito até amanhã!" - rs...


Beijos, mocinha!

Lu disse...

eu odeio chuva!
eu tenho inveja é do sol, que deixa as pessoas alegres, radiantes, sorridentes.
o sol tem o poder de nos transformar, tanto fisicamente, quanto mentalmente. existe poder mais lindo que este?

Amanda_Bia disse...

adorei o texto!
tb amo chuva!

bejus!

Mila disse...

Poxa... agora descobri porque gosto da chuva. Ela corre livre, desprendida. Ta aí... a melhor definição.